Pesquisar

Movimentos de massa: quando a terra não se contém

Há cerca de cinco séculos e meio que o povo da Madeira tem vindo a enfrentar enxurradas, quebradas, deslizamentos, aluviões.
Com sangue, suor e vidas, tem vindo a organizar um território de orografia difícil, mas com contrapartidas.

A água da chuva não pode ser vista como a única causa dos movimentos de massa, ou quebradas, ou deslizamentos, ou enxurros. “As aluviões”, como lhes chamam as vozes insulares. Há que considerar a abertura e construção de estradas, as vibrações dos veículos pesados, o uso de explosivos, ou ainda outros fatores que concorrem para a movimentação de terra de forma impossível de conter pelo Homem.

A densidade populacional da Ilha da Madeira é 3 vezes superior à do arquipélago dos Açores e do Continente.

O perigo de desvios de terras faz da Madeira um território sensível ao esforço humano para abrir espaço, conquistar à Ilha. Mas como estamos nós a conquistar?

 

 

 

 

Ficha Técnica

  • Título: Pedras que falam
  • Tipo: Programa
  • Produção: RTP-Madeira

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui