Pesquisar

Apoio para os animais no incêndio de Monchique

Durante o incêndio que assolou o concelho de Monchique ao longo de vários dias em 2018, veterinários e voluntários tomaram a iniciativa de salvar, tratar e apoiar os animais e os seus donos vitimados pela catástrofe.

Intoxicados, feridos, chamuscados ou queimados. muitos animais domésticos foram encontrados neste estado na zona de Monchique na sequência do grande incêndio que devastou aquele concelho algarvio em agosto desse ano.

Os veterinários da região do Algarve organizaram-se entre si, numa iniciativa apoiada pela Direção-Geral de Agricultura,  Ordem dos Veterinários e Protecção Civil, para assegurarem uma presença diária, o que permitiu tratar centenas de animais afetados pelas chamas.

Reuniram-se ainda voluntários que reuniram alimentos para animais de diversas espécies junto das populações. Estes grupos instalaram serviços de apoio em diversos pontos de Monchique, de modo a ajudar os donos dos animais.

Neste concelho algarvio, o incêndio destruiu mais de 23 mil hectares e fez dezenas de feridos. Nesta reportagem pode ouvir as declarações de Ana Silva, veterinária municipal de Monchique, e de João Branco, voluntário.

Ficha Técnica

  • Título: Assistência aos animais afetados pelo incêndio florestal de Monchique
  • Tipo: Reportagem
  • Autoria: Filipa Simas, Filipa Dias Mendes e Rosa Veloso
  • Produção: RTP
  • Ano: 2018

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui