Pesquisar

"As Cidades Invisíveis", de Italo Calvino

Da imaginação de um lendário viajante do século XIII nascem cidades com nome de mulher. O viajante é Marco Polo, que as descreve de forma fantasiosa a Kublai Khan, imperador mongol. Retratos fantásticos que marcaram as leituras de um outro escritor.

Na memória do maior explorador do Mundo viaja o homem mais poderoso da Terra pela vastidão do seu império. Marco Polo guia Kublai Khan nas paisagens que lhe pertencem e que nunca poderá ver com os próprios olhos. Mas as 55 cidades que o jovem veneziano irá descrever na conversa ficcionada pelo escritor permanecerão invisíveis porque são lugares da imaginação.

O romance de Italo Calvino, publicado em 1972, marca as leituras do escritor Nuno Camarneiro, que neste livro “sentimental e cerebral” descobre sempre novas reflexões, nomeadamente sobre a literatura.

 

 

Ficha Técnica

  • Título: Ler +. Ler Melhor - Italo Calvino
  • Tipo: Extrato de Magazine Cultural
  • Produção: Filbox produções
  • Ano: 2013

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui