Pesquisar

Beirões na I Guerra Mundial

Oficialmente era o Batalhão 21, mas ficou conhecido como o "Batalhão dos Beirões", e durante a I Guerra Mundial esteve na Flandres combatendo nas trincheiras. No ano de 2015 foram tema para um livro e uma exposição em Castelo Branco.

O “Batalhão dos Beirões” era constituído por unidades militares originárias da Covilhã, Castelo Branco e Penamacor. Foi integrado no Corpo Expedicionário Português (CEP) e enviado para França onde combateu até ao final do conflito, apesar de não ter participado na batalha de La Lys.

O núcleo de Castelo Branco da Liga dos Combatentes apoiou a preparação do livro e a montagem da exposição que se basearam numa palestra proferida pelo tenente-coronel Pires Nunes, especialista em história militar.

Nesta reportagem pode ouvir declarações de Augusto Rodrigues Alves, Presidente Núcleo Castelo Branco Liga Combatentes e de Carlos Matos, coordenador gráfico.

Ficha Técnica

  • Título: Livro do Batalhão de Infantaria 21
  • Tipo: Reportagem
  • Autoria: António Nunes Farias
  • Produção: RTP
  • Ano: 2015

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Consulte a nossa Política de Privacidade.