Pesquisar

Explosão do navio “Maine”

O “Maine” era um couraçado americano que se afundou após uma explosão inexplicável e inesperada, na noite de 15 de fevereiro de 1898, ao largo do porto de Havana, em Cuba. Morreram duas centenas e meia de marinheiros no incidente.

A explicação para a explosão nunca foi completamente esclarecida. A explicação mais aceite hoje em dia aponta para um acidente, provavelmente um incêndio nos depósitos de carvão ou de munições. No entanto, a versão que ganhou popularidade e que foi amplamente difundida na imprensa americana, nos dias imediatos ao incidente, foi a de que se tratou de uma causa externa ao navio, provavelmente uma mina.

 

  • Que consequências teve?

Pode-se afirmar que o incidente do “Maine” foi o fator decisivo que conduziu os EUA para a guerra. O navio estava no porto de Havana para proteger os interesses americanos em Cuba devido ao deflagrar de uma guerra pela independência do domínio colonial espanhol. Os interesses americanos na ilha, centrados na produção de açúcar e de tabaco, estavam ameaçados pela instabilidade política e social que decorria da guerra de independência. Existia, portanto, uma forte pressão de alguns setores da sociedade americana para entrar na guerra ao lado dos independentistas cubanos.

O incidente do “Maine” foi explorado e manipulado pela imprensa, nomeadamente por dois jornais de Nova York, o New York Journal e o New York World, que acusavam diretamente a Espanha de ser responsável pelo afundamento do navio, criando assim na opinião pública americana um clima anti-espanhol e de apoio à guerra, que veio de facto a ser declarada dois meses depois.

 

  • Quais foram os efeitos dessa guerra?

A Guerra Hispano-Americana foi muito breve – durou menos de 4 meses – e saldou-se por uma esmagadora vitória norte-americana. A Espanha estava completamente impreparada para enfrentar uma potência militar e naval como os EUA. Um dos efeitos mais inesperados da guerra foi o seu alargamento ao cenário do Pacífico, com o ataque americano aos navios espanhóis em Manila. A Espanha pediu rapidamente a paz e pelo Tratado de Paris, assinado em dezembro, perdeu para os EUA o que restava do seu império colonial: as Filipinas, Cuba, Guam e Porto Rico.

Ouça aqui outros episódios do programa Dias da História

  • Temas: História
  • Ensino: 3º Ciclo, Ensino Secundário

Ficha Técnica

  • Título: Os Dias da História - Explosão do navio “Maine”
  • Tipo: Programa
  • Autoria: Paulo Sousa Pinto
  • Produção: Antena 2
  • Ano: 2017

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui