Pesquisar

Um engenho de açúcar no castelo de Silves

Esta estrutura circular em grês vermelho, situada no interior do Castelo de Silves, é o que resta de um engenho de açúcar que poderá ter sido usado pelo Infante Dom Henrique quando este foi alcaide-mor da cidade, em meados do século XV.

A estrutura foi descoberta em 2006 durante uma campanha arqueológica que realizou diversas escavações no interior da muralha, mas só em 2015 seria totalmente revelada e estudada .

A arqueóloga Rosa Varela Gomes, que realizou a escavação, acredita que se trata de um dos primeiros engenhos de açúcar construídos na Península Ibérica e que terá sido patrocinado pelo Infante Dom Henrique, dando início à produção açucareira que depois se estendeu às ilhas atlânticas e, mais tarde, ao Brasil.

Nesta reportagem pode ouvir as explicações da arqueóloga Rosa Varela Gomes.

Ficha Técnica

  • Título: Engenho de açúcar descoberto no Castelo de Silves
  • Tipo: Reportagem
  • Autoria: Duarte Baltazar
  • Produção: RTP
  • Ano: 2015

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Consulte a nossa Política de Privacidade.