Pesquisar

Viver à sombra do vulcão na ilha do Fogo

Antes da erupção que atingiu a ilha do Fogo em 2014 a população que residia em Chã das Caldeiras, sentia-se irmanada com o vulcão. Sabia que havia perigo, mas o vulcão também era uma atracção. Em 2006 a RTP fez uma vista às gentes do vulcão.

Antes de 2014 tinham-se registado erupções em 1951 e 1995 e os seu efeitos eram visíveis em 2006, mas a população do Fogo tinha aprendido não só a conviver com o vulcão como também a servir-se dele para sobreviver, nomeadamente aproveitando a presença de turistas e cientistas que acompanhavam o respirar da lava nas profundezas da terra.

Anualmente eram milhares as pessoas que viajam até à ilha do Fogo para subir ao cone do vulcão e conhecer um pouco mais sobre aquele território.

Conheça a história de Chã das Caldeiras, o interior do vulcão, onde as pessoas vivem ao ritmo das erupções.

 

Ficha Técnica

  • Título: Quando o vulcão despertar
  • Tipo: Documentário
  • Autoria: Socorro Amado
  • Produção: RTP
  • Ano: 2006

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui