Pesquisar

A declaração de guerra dos EUA ao Japão

No dia 8 de dezembro de 1941, o presidente dos Estados Unidos da América reuniu o Congresso para pedir que este aprovasse a declaração de guerra ao Japão, país que tinha atacado na véspera a base naval americana de Pearl Harbor.

O discurso de Franklin Delano Roosevelt foi o primeiro passo para a declaração de guerra formal, que seria aprovada tanto pelo Congresso como pelo Senado. O discurso foi filmado e passou posteriormente – de forma parcial – nos noticiários cinematográficos. Neste filme pode acompanhar o essencial da declaração do presidente americano.

Reproduzimos aqui o discurso completo do presidente Roosevelt ao Congresso em 1941:

«Sr. Vice Presidente, e Sr. Presidente, e Membros do Senado, da Casa dos Representantes:

Ontem, 7 de Dezembro de 1941, uma data que viverá na infâmia, os Estados Unidos da América foram súbita e deliberadamente atacados pelas forças navais e aéreas do Império do Japão.

Os Estados Unidos estavam em paz com essa nação e, por solicitação do Japão, estava-se ainda em conversações com o seu Governo e o seu Imperador, procurando manter a paz no Pacífico. Efectivamente, uma hora depois dos esquadrões aéreos japoneses começarem a bombardear a ilha americana de Oahu, o Embaixador Japonês nos Estados Unidos e o seu colega, entregaram ao nosso Secretário de Estado uma resposta formal à recente mensagem norte-americana.

Enquanto esta resposta referia que parecia inútil continuar com as negociações diplomáticas existentes, ela não continha nenhuma ameaça ou insinuação de guerra ou de um ataque armado.

Fica registado que dada a distância do Havai ao Japão torna óbvio que o ataque foi planeado de forma deliberada há muitos dias ou mesmo semanas. Durante esse período o Governo Japonês procurou deliberadamente enganar os Estados Unidos com falsas afirmações e expressões de esperança na continuação da paz.

O ataque de ontem às Ilhas havaianas causou sérios danos às forças navais e militares norte-americanas. Lamento dizer-vos que se perderam muitas vidas norte-americanas.

dicionalmente, foi relatado o torpedeamento de navios norte-americanos em alto-mar, entre São Francisco e Honolulu.

Ontem o Governo Japonês também lançou um ataque contra a Malásia.

Na última noite forças japonesas atacaram Hong Kong.

Na última noite forças japonesas atacaram Guam.

Na última noite forças japonesas atacaram as Ilhas das Filipinas.

E esta manhã forças japonesas atacaram a Ilha de Midway.

O Japão iniciou, dessa forma, uma ofensiva surpresa que se estende a toda a área do Pacífico. Os factos de ontem falam por si. O povo dos Estados Unidos já formou a sua opinião e compreende as implicações para a vida e segurança da nação.

Como Comandante-em-Chefe do Exército e Marinha ordenei que fossem tomadas todas as medidas para a nossa defesa, mas a nossa nação recordará sempre o carácter do ataque perpetrado contra nós. Não importa quanto tempo demoraremos a superar esta invasão premeditada, porque o povo americano no seu justo direito lutará até à vitória absoluta.

Acredito que interpreto a vontade do Congresso e do povo quando asseguro que não só nos iremos defender até ao impossível, mas iremos assegurar que esta forma de traição nunca mais nos volte a ameaçar. As hostilidades existem. Não existem dúvidas no facto do nosso povo, o nosso território, e os nossos interesses estarem em grande perigo.

Com confiança nas nossas forças armadas, com a grande determinação do nosso povo, iremos alcançar o inevitável triunfo – assim Deus nos ajude.

Peço ao Congresso que declare que desde o ataque não provocado e cobarde do Japão no domingo, 7 de Dezembro de 1941, existe um estado de guerra entre os Estados Unidos e o Império do Japão.

Franklin D. Roosevelt, Casa Branca

8 de Dezembro de 1941″

Ficha Técnica

  • Título: Roosevelt declares war on Japan
  • Tipo: Extrato de filme
  • Produção: United States Army. Signal Corps
  • Ano: 1941
  • Origem: National Archives and Records Administration (NARA)
  • Cedido: Steven Spielberg Film and Video Archive (RG-60.0673)/ US Holocaust Memorial Museum
  • Tradução e Legendagem: RTP Ensina/ João Domingos/ RTP Produção
  • Fotografia: FDR faz declaração de guerra ao Japão

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui