Pesquisar

Calouste Gulbenkian, uma paixão por Portugal

Calouste Gulbenkian (1869-1955) chegou a Portugal durante a 2ª Guerra Mundial e apaixonou-se pelo país, ficando aqui a residir. Após a morte deixou a fortuna para criar uma fundação, com o objetivo fomentar a cultura nacional, e que tem o seu nome.

Nasceu na Turquia e estudou em Inglaterra, adotando mais tarde a nacionalidade daquele país .

Filho de famílias ricas, aumentou a fortuna pessoal utilizando os seus conhecimentos para mediar negociações entre países orientais e europeus que procuravam novas fontes de matérias-primas energia, nomeadamente, petróleo.

Em 1942 chegou a Portugal. Vinha adoentado e na confusão da guerra acabou por ficar mais tempo do que previra, apaixonando-se pelo país.

Deixou parte da sua fortuna e da sua coleção de arte a uma fundação criada com o seu nome. Trata-se de uma das mais importantes fundações culturais do país.

Ficha Técnica

  • Título: Nome de Rua - Calouste Gulbenkian
  • Tipo: Extrato de Programa
  • Autoria: Nunes Forte
  • Produção: Videofono para a RTP
  • Ano: 1991

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Consulte a nossa Política de Privacidade.