Pesquisar

O calor que vem do frio

Para se ter uma bebida fresca no Verão, o frigorífico parece a solução óbvia. Abrir a porta e sentir o frio é apenas o outro lado de um sistema de refrigeração como este: na parte de trás de um frigorífico, a libertação de calor faz parte do processo.

O calor tende a libertar-se da temperatura mais alta para a mais baixa. Num frigorífico, a refrigeração implica o processo contrário. Para isso, é necessário recorrer à corrente eléctrica e a um compressor, fazendo circular externa e internamente um gás.

Na parte de dentro deste circuito fechado, há absorção de calor, o que permite refrigerar o ar. Na parte de fora do mesmo circuito, através da acção do compressor, dá-se a libertação do calor absorvido anteriormente.

Isto significa que, para te proporcionar o simples acto de abrir o frigorífico e teres uma bebida fresca, há libertação de calor na tua cozinha e, consequentemente, aquecimento da mesma. Pois é, são os dois lados de um electrodoméstico que só estás habituado a ver de frente. Da próxima vez, se puderes, experimenta espreitar a parte de trás e sentir o calor que vem do frio.

Ficha Técnica

  • Título: Adivinhas da Ciência
  • Tipo: Programa
  • Autoria: Jorge Dias de Deus, Pedro Briogueira, Teresa Peña
  • Produção: Ciência Viva - RTP
  • Ano: 2011

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui