Pesquisar

Sessenta anos de humor

Durante o Estado Novo, a censura estava sempre presente e os humoristas aprenderam a utilizar frases com segundos sentidos para transmitir mensagens políticas. Depois da revolução anunciou-se a liberdade, mas os problemas dos humoristas não desapareceram.

Escrevia-se nas entrelinhas para que as mensagens tivessem duplo sentido. Quem estivesse atento, ou fosse um pouco mais esclarecido, percebia os recados que se escondiam nas interpretações. Para todos os outros sobrava o riso fácil.

Foi a jogar com as palavras que muitos artistas nacionais aprenderam a ser o contrapoder a um regime que tudo tentava controlar.

O 25 de abril trouxe a liberdade, mas os humoristas continuaram a ser alvo do poder instituído e houve mesmo programas televisivos que foram eliminados da grelha.

Ficha Técnica

  • Título: E Depois de Abril - O Humor
  • Tipo: Reportagem
  • Autoria: Teresa Nicolau
  • Produção: RTP
  • Ano: 2014

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Consulte a nossa Política de Privacidade.