Pesquisar

Uma estátua-menir no Fundão

A estátua-menir foi descoberta por um agricultor que achou estranha a presença de desenhos escavados na rocha. Uma avaliação feita por arqueólogos confirmou que se tratava de uma escultura do neolítico.

O monumento tem esculpida numa das faces uma espada, noutra aquilo que parece ser uma machado e há ainda um conjunto de linhas que se assemelham a correias.

Os arqueólogos acreditam que os elementos escultóricos foram introduzidos num menir pré-existente e de um período muito anterior. Existem outros monumentos deste tipo na zona do Alentejo, não sendo claro se se tratam de elementos apenas com uma função decorativa ou se existiam outras finalidades como, por exemplo, a marcação de percursos.

Nesta reportagem pode acompanhar as declarações de Joaquim Patrício, o agricultor que descobriu a estátua-menir e João Mendes Rosa, Director do Museu Municipal José Monteiro, do Fundão, onde a peça se encontra exposta.

  • Temas: História
  • Ensino: 2º Ciclo, 3º Ciclo, Ensino Secundário

Ficha Técnica

  • Título: Menir no Fundão
  • Tipo: Reportagem
  • Autoria: Sandra Salvado
  • Produção: RTP
  • Ano: 2009

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Consulte a nossa Política de Privacidade.