As dificuldades no transporte de tropas para França
Ensino:

As tropas portuguesas chegaram a França em navios, a maior parte deles disponibilizados pelos britânicos. Nenhum foi afundado, mas os problemas que as tropas enfrentaram durante o embarque, viagem e desembarque foram bastante complicados.

A maioria dos navios britânicos que fizeram o transporte das tropas estavam preparados para viagens curtas, de algumas horas, o tempo que demorava ligar a costa inglesa à francesa, e não de três dias como acontecia quando se viajava de Portugal para França.

Durante o percurso, os soldados tinham ainda de conviver com todo o tipo de animais e mantimentos que também seguiam nos navios. Cavalos, mulas, munições, comida entre outros materiais causavam problemas sanitários, agravados pela carência de cuidados de higiene de muitos dos homens do exército. Algumas doenças encontraram nos navios e nas concentrações de tropas campo fértil para alastrar.

Entre os poucos navios portugueses que também participaram neste transporte de tropas destacou-se o Pedro Nunes, que fez um total de 11 viagens sem nunca ser atacado por qualquer submarino, um feito que lhe valeria o epíteto de “navio fantasma”.

Temas

Ficha Técnica

  • Título: Postal da Grande Guerra - As dificuldades do transporte para França
  • Tipologia: Programa
  • Autoria: Sílvia Alves
  • Produção: RTP
  • Ano: 2018