Pesquisar

As personagens de "Amor de Perdição"

Simão, Teresa e Mariana são personagens trágicas da novela considerada a obra-prima de Camilo Castelo Branco. Na idade da adolescência descobrem o primeiro amor, puro, profundo e intenso, que pressentem definitivo nas suas vidas. O enredo leva-os à morte.

A novela mais romântica do romantismo português tem amor, ódio, vingança e tragédia num enredo que mistura ficção com realidade. Camilo Castelo Branco está preso por adultério quando escreve o romance, em 1861, na cadeia da Relação do Porto. Inspirado num episódio da vida do seu tio-avô, de seu nome Simão Botelho, também ele detido por amor na mesma prisão, decide escrever uma história passional e trágica, ditada pelos códigos de honra de duas famílias inimigas.

Simão Botelho tem quinze anos quando se apaixona por Teresa Albuquerque, fidalga de Viseu prometida a Baltasar Coutinho, seu primo, que na cegueira do ciúme tudo faz para os afastar. O amor dos jovens não comove o coração dos pais, famílias unidas no mesmo ódio. Quando a menina é fechada no Convento de Monchique, Simão   desesperado mata a tiro Baltasar e entrega-se à justiça. Condenado ao degredo em Goa,  ainda a vê ao longe a dizer-lhe adeus, mas em poucos dias recebe a notícia da morte da amada e deixa-se também morrer. O seu cadáver será abraçado no mar pela terceira personagem desta história, a bondosa Mariana, mensageira das cartas de amor de Simão e Teresa, que sofre em silêncio a paixão impossível que tem pelo rapaz e por ele põe fim à vida.

Sobre estas personagens trágicas da obra de Camilo Castelo Branco, muitas vezes considerada a versão portuguesa de “Romeu e Julieta” de William Shakespeare, debruça-se agora o excerto do documentário “Grandes Livros”.

Ficha Técnica

  • Título: Grandes Livros - "Amor de Perdição" de Camilo Castelo Branco
  • Tipo: Extrato de Documentário
  • Produção: Companhia de Ideias
  • Ano: 2009

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Consulte a nossa Política de Privacidade.