Acolhimento de refugiados ucranianos na Azambuja
Ensino:

A pequena povoação de Vale do Paraíso, no concelho da Azambuja, recebeu 80 refugiados ucranianos, num dos primeiros voos humanitários a chegar a Portugal. Neste caso, das 140 pessoas que chegaram no avião, a maioria mulheres e crianças.

Eram histórias de medo, fuga, preocupação e abandono as que se encontravam entre os refugiados ucranianos que chegaram a Portugal logo após a invasão do seu  país pelas forças russas.

Refugiados do Século XXI
Veja Também

Refugiados do Século XXI

Foi para escapar à  guerra que muitos percorreram durante dias, ou mesmo semanas, os longos caminhos para outro país onde se pudessem refugiar e onde ficariam durante tempo indeterminado.

Nesta reportagem, pode acompanhar as declarações Alhona Demchyshuna, refugiada ucraniana; de Ângelo Neto, da Associação de Apoio a Refugiados Ucranianos em Portugal; de Alisa Repeinuk , refugiada ucraniana; de Tatiana Gorchuck, voluntária da Cruz Vermelha Portuguesa e de Sergii, refugiado ucraniano.

Temas

Ficha Técnica

  • Título: Vale do Paraíso recebe 140 refugiados ucranianos
  • Tipologia: Reportagem
  • Autoria: Filipe Canhoto Ribeiro
  • Produção: RTP
  • Ano: 2022