Conteúdo cedido por : Réseau Canopé
Dis-moi dix mots
Avatar
Ensino:

Avatar faz parte da gíria da informática: é uma palavra antiga que foi repentinamente rejuvenescida. O avatar usa-se nos jogos online ou quando conversamos nas redes. É um personagem que nos representa. Uma identidade que não é necessariamente falsa, mas que é virtual, que nos permite jogar e existir no mundo virtual.

Este uso recente vem do inglês, mas a palavra é antiga. Vem do sânscrito, a língua dos textos religiosos do hinduísmo. Inicialmente significava “descida”. Refere-se às aparições na terra de uma das principais divindades desta religião, Vishnu, que assume diferentes formas de peixes, tartarugas, javalis, príncipes… É, de facto, uma mudança de forma. A palavra “avatar” pode portanto ser traduzida para francês como encarnação, metamorfose.

Em francês é utilizado em sentido figurado para se referir a esta transformação. Por exemplo, a empresa Dupont vai à falência. O seu presidente funda a empresa Durand, que tem mais ou menos as mesmas actividades. Podemos\ dizer que a empresa Durand é um avatar da empresa Dupont.

Mas a palavra é parecida com “aventura” e “avaria”. E também um pouco como ‘avanie’, uma palavra antiga que significa afronta. É provavelmente devido a estas semelhanças que o “avatar” tem sido frequentemente utilizado num sentido particular: um contratempo bastante desagradável. “Os meus papéis foram roubados”, “tive um furo”… que avatares”!

Esta utilização, considerada errada, como um mal-entendido, é uma utilização indevida de uma palavra desviada do seu significado original. Mas é comum. E surpreendentemente, o empréstimo do inglês, que é bastante recente no vocabulário informático, dá-nos um uso mais próximo do significado original da palavra, e fez esquecer este uso tão criticado.

“Dis-moi dix mots” é uma série francesa, cedida ao RTP Ensina por Réseau Canopé, que dá a conhecer melhor o vocabulário do francês. Uma ajuda do Ensina para quem estuda ou quer aprender esta língua.

Temas

Ficha Técnica

  • Título: Avatar
  • Área Pedagógica: Francês
  • Tipologia: Rubrica
  • Autoria: Réseau Canopé
  • Ano: 2017