Volta ao Mundo em Cem Livros

“Cem Anos de Solidão”, o realismo mágico de Gabriel García Márquez

Tudo o que se conta nesta história parece vir da fantasia, do sonho, da magia. Cem anos de memoráveis aventuras, tragédias, presságios e de outros acontecimentos extraordinários vividos na mesma família. Os Buendía, começados na união de José Arcadío e Úrsula Iguarán, fundam uma linhagem de personagens imprevisíveis numa terra que se transfigura ao longo de sete gerações, até ao último descendente. Macondo é lugar literário e real, povoação pequena à beira de um rio, igual à Aracataca, lugar feliz da infância de Gabriel García Márquez, onde ouviu da avó fábulas enigmáticas, lendas inexplicáveis, que havia depois de desenvolver neste livro. Como a de Remédios, a Bela, que desapareceu nos altos ares envolta em lençóis brancos. As memórias deste seu mundo, das figuras tutelares dos avós maternos que andam nestas páginas, criaram uma obra-prima e um género literário, o realismo mágico. 

Quando Cem Anos de Solidão chegou às livrarias, em 1967, a vida de Gabriel García Márquez mudou radicalmente. O contador de histórias, com ofício certo de jornalista, passou a ser o escritor da América Latina, o mais lido em todo o mundo. Um fenómeno literário que chegaria a Nobel, em 1982. A primeira tiragem de oito mil volumes esgotou-se em poucas semanas. O estilo fluido, a linguagem intensa de Gabo – agora todos usavam a intimidade do diminutivo – surpreendia, apaixonava, seduzia. Desde a primeira frase, considerada um dos melhores inícios de romance de sempre. A literatura nunca mais foi a mesma, sublinha Alexandra Lucas Coelho neste programa.  

“Muitos anos depois, diante do pelotão de fuzilamento, o coronel Aureliano Buendía havia de recordar aquela tarde remota em que seu pai o levou para conhecer o gelo.”

“Odisseia”, a viagem interminável de Homero
Veja Também

“Odisseia”, a viagem interminável de Homero

 

Temas

Ficha Técnica

  • Título: Volta ao Mundo em Cem Livros
  • Tipologia: Programa Literário
  • Autoria: Alexandra Lucas Coelho
  • Produção: RTP
  • Ano: 2022