Pesquisar

Espaço-Museu e Villa Romana do Rabaçal

O Espaço-Museu e Villa Romana do Rabaçal é um espaço expositivo que reúne três núcleos distintos: o museu, a estação arqueológica da villa romana e o Miradouro de Chanca. Situa-se a doze quilómetros de Conímbriga, no concelho de Penela, junto à via romana que ligava Lisboa a Braga.

No museu encontram-se os achados arqueológicos recolhidos nas escavações da villa tardo-romana, junto à aldeia da Ordem. Entre as diversas peças podem ver-se mármores sumptuosos, possivelmente pintados na época, mostrando a riqueza desta família que vivia da actividade agrícola.

O elemento central do conjunto de polos é, no entanto, a villa romana, datada do século IV d.C. e construída em redor de um pátio octogonal. Na zona circundante identificaram-se outros edifícios, sendo fácil de distinguir a residência senhorial que tinha balneário próprio e sala de banquetes da casa da lavoura com o pátio agrícola, alpendres, eira, oficinas e habitação dos criados, tudo ligado a um sistema de nascentes e sistemas elevatórios de água.

O espaço foi descoberto em 1984 e desde esse período que se têm realizado escavações e trabalhos de preservação, nomeadamente dos mosaicos que apenas em alguns períodos do ano são destapados e mostrados ao público.

Este programa integra a série “Em Busca do Museu Desconhecido”, onde a RTP efetua uma viagem, por todo o país e pelas regiões autónomas mostrando espaços museológicos menos conhecidos do grande público.

Ficha Técnica

  • Título: Em Busca do Museu Desconhecido - Museu e Villa Romana do Rabaçal
  • Tipo: Programa
  • Autoria: Margarida Metello/ Sofia Leite
  • Produção: RTP
  • Ano: 2020

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui