Expulsão dos judeus de Portugal
Ensino:

Um édito real publicado em 1496 obrigava os judeus e muçulmanos a sair do país ou a converter-se ao cristianismo. A maioria, por razões económicas ou outras, não teve outra opção. Ficaram conhecidos como cristãos novos.

Os judeus portugueses ocupavam lugares de alguma importância social no século XV e começaram a ser alvo da ira popular.

No final do século XV chegam a Portugal milhares de novos judeus expulsos de Castela, que são acolhidos a troco de uma taxa mas, em 1496, surge um édito real de D. Manuel I com os mesmos objetivos. O monarca expulsa os não cristãos (judeus e muçulmanos) ou obriga-os à conversão.

Surgem milhares de cristãos-novos que serão alvo preferencial de sevícias nos anos seguintes, como aconteceu, por exemplo, na Matança da Páscoa.

Temas

Ficha Técnica

  • Título: O Decreto
  • Tipologia: Extrato de Documentário
  • Autoria: Maria Júlia Fernandes
  • Produção: RTP
  • Ano: 1996