Pesquisar

O Meu Livro - "Aventuras de João sem Medo", de José Gomes Ferreira

Este é o herói que José Gomes Ferreira criou em 1933 para saltar o Muro de uma história fantástica e aventurar-se numa metáfora de liberdade, no mesmo tempo que Salazar chegava à presidência e Hitler tomava conta do poder na Alemanha. O miúdo teimoso, gabarolas e audaz, deixa a sua aldeia dos infelizes choramingas para entrar na desconhecida floresta de fadas e utopia. João sem Medo, "inimigo de déspotas e tiranetes", é também o herói das leituras de Alexandre Honrado.

João sem Medo foi criado em “escassos minutos” por José Gomes Ferreira, quando Portugal e a Europa entravam no período negro dos fascismos e da ditadura. “Apareceu-me logo, valente e refilão, sem idade determinada nem feições fixas, a fim de cada um lhe desenhar o perfil e atribuir a idade que desejasse (…)”, revelava o autor no posfácio da terceira edição da sua obra mais popular, primeiro publicada em 26 folhetins na gazeta juvenil O Senhor Doutor. Mas a viagem encantada deste rapaz, escrita com uma linguagem poética, havia de conquistar adultos para uma história que dava que pensar.

Alexandre Honrado, jornalista e professor, ficou fiel leitor desde rapazinho. Afinal, o livro escrito “como um divertimento por quem sempre sonhou conservar a criança bem viva no Homem” era também o eleito do seu autor.

 

 

Ficha Técnica

  • Título: Ler +, ler melhor
  • Tipo: Extrato de Programa Cultural
  • Autoria: Teresa Sampaio
  • Ano: 2013

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui