Pesquisar

Apontamentos sobre a seca de 2005

A seca de 2005 afetou especialmente o sul do país. Milhares de pessoas ficaram sem água potável, os campos esvaziados de culturas e os criadores de gado sem pasto.

Todo o país foi afetado, mas o Alentejo e o Algarve viveram no ano de 2005 um período de seca severa extremamente complicado que teve um forte impacto social e económico.

A falta de água comprometeu o abastecimento de água e em muitos locais foi necessário utilizar autotanques para garantir a sua distribuição às populações.

Nos campos a ausência de chuva reduziu de forma drástica a produção de diversos hortículas e a escassez de cereais também teve efeitos graves na produção animal.

Nesta reportagem é feito um retrato da seca com declarações de Mário Coelho; Carmina de Jesus; Irma Fernandes e Laurência Perpétua, residentes na aldeia de Pereiras-Gare; Orlando Borges, Presidente do INAG. António Luís Pereira da Empresa de captação de água; Otília Viegas; Bárbara Neves; João Corte-Real, Investigador Centro Geofísica de Évora; Luís Ferreira da Cruz, Agricultor; Jaime Silva, Ministro da Agricultura; António Pepe, Criador de gado; Marques Ferreira, Presidente Empresa e Desenvolvimento de Infraestruturas do Alqueva.

Ficha Técnica

  • Título: Quando a água não cai do céu
  • Tipo: Reportagem
  • Autoria: Sérgio Vicente
  • Produção: RTP
  • Ano: 2005

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui