Pesquisar

Como nasce e como se deteta um tsunami

Um tsunami pode resultar de um sismo ou de outras razões geológicas, nomeadamente um deslizamento de terras submarino. Detetar as ondas com antecedência é crucial para salvar vidas, mas apenas no Pacífico existe tecnologia para o fazer.

O maremoto que ocorreu no índico em 2004 foi detetado pelos serviços de sismologia americanos, mas não foi possível passar essa informação a tempo de evitar a catástrofe que atingiu dezena e meia de países e matou mais de 200 mil pessoas.

Apenas o EUA e o Japão têm neste momento sistemas de deteção de tsunamis e todos os aparelhos encontram-se no Oceano Pacífico. No Oceano Atlântico a União Europeia também tem a intenção de instalar equipamento desse tipo, mas até ao momento o projeto ainda não saiu do papel.

  • Temas: Geografia
  • Ensino: 3º Ciclo, Ensino Secundário

Ficha Técnica

  • Título: Como se detecta um maremotos e tsunami
  • Tipo: Reportagem
  • Autoria: Ana Candeias
  • Produção: RTP
  • Ano: 2004

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Consulte a nossa Política de Privacidade.