Pesquisar

A União Indiana invade Goa

Na madrugada de 18 de Dezembro de 1961 a União Indiana invadiu as possessões portuguesas na India. Em poucas horas Goa, Damão e Diu caíram e o Império português sofreu um primeiro golpe que iria ter repercussões nos anos seguintes.

Desde o meio dos anos 50 que a União Indiana pressionava e tentava negociar a saída dos portugueses dos territórios, mas o regime de Salazar não mostrava qualquer disponibilidade para abordar o assunto, mesmo nos palcos internacionais.

Para responder às críticas internacionais até alterou a constituição retirando a palavra Colónias que substituiu por Províncias Ultramarinas.

Em 1961 os Indianos forçaram a entrada no território através de uma invasão militar. Com ordens para morrerem a combater, os cerca de 3500 militares portugueses pouco podiam fazer contra os atacantes que compreendiam cerca de 50 mil homens entre forças do exército, a força aérea e a marinha.

Depois de registar cerca de 30 mortos e meia centena de feridos, o comandante militar, general Vassalo da Silva, rendeu-se.

Portugal só viria a reconhecer a anexação dos estados indianos depois do 25 de Abril.

Ficha Técnica

  • Título: Câmara Clara - A Invasão de Goa
  • Tipo: Reportagem
  • Autoria: Inês Fonseca Santos
  • Produção: RTP
  • Ano: 2011

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Consulte a nossa Política de Privacidade.