Pesquisar

O Porto de Manoel Oliveira

O Porto é a cidade berço e refúgio para o realizador Manoel Oliveira. Foi ali que fez o seu primeiro filme e lá regressou com alguma regularidade ao longo da sua carreira.

Manoel de Oliveira não esconde a sua ligação à cidade e se diz que o cinema é a sua vida também afirma que o Porto é a sua casa.

O seu primeiro projeto “Douro, Faina Fluvial”, nasceu nas margens da sua cidade. Mal recebido pela crítica portuguesa, seria elogiado no estrangeiro pelo conteúdo e pela forma.

Também a sua primeira ficção, “Aniki Bóbó”, tem o Porto como cenário. Realizado em 1942, este filme é considerado o percursor do neorrealismo português.

A sua cidade de nascimento volta a surgir no seu primeiro filme a cores, “O Pintor e a Cidade” e, mais recentemente, em “Porto da minha infância”.

Ficha Técnica

  • Título: Câmara Clara - O Porto de Manoel de Oliveira
  • Tipo: Reportagem
  • Autoria: José Roseira
  • Produção: RTP
  • Ano: 2008

A RTP utiliza cookies no seu sítio para lhe proporcionar uma experiência mais agradável e personalizada. Saiba mais aqui