Américo Tomás, o último presidente do Estado Novo
Ensino:

Américo Tomás (1894 -1987) foi um militar e o último Presidente da República do Estado Novo. Anunciou a substituição de António Oliveira Salazar por Marcelo Caetano. Foi derrubado na sequência da revolução de 25 de Abril de 1974.

Foi convidado por Oliveira Salazar em 1958 para ser o candidato do regime à presidência da República. Enfrentou e venceu o candidato da oposição, general Humberto Delgado, numas eleições bastante disputadas e que deixaram suspeitas sobre a legalidade da contagem de votos.

Enquanto Presidente da República tem papel decisivo na anulação da “Abrilada”, uma tentativa de golpe de estado levada a cabo por militares chefiados por Botelho Moniz, em 1961. É ainda um defensor da política ultramarina portuguesa.

Conduz, em 1968, o processo de substituição de Salazar por Marcelo Caetano.

Termina a sua presidência com a revolução de 25 de Abril de 1974. Exilou-se no Brasil, mas regressou ao país antes de falecer em 1978.

Temas

Ficha Técnica

  • Título: “Os Presidentes” (Ep. 3) - Américo Tomás
  • Tipologia: Extrato de Documentário
  • Autoria: Alexandrina Pereira/Rui Pinto de Almeida
  • Produção: Braveant/RTP
  • Ano: 2011