Linha da Frente
Body Shaming: comentários que são uma vergonha
Ensino:

Afinal, o tamanho importa? Sim. O tamanho, a forma, o penteado, a celulite, as rugas. E as críticas também. Os padrões de beleza e a busca pela perfeição sempre existiram. É uma ditadura que faz cada vez mais vítimas. Com o advento das redes sociais, se não há corpo perfeito, haverá, pelo menos, a fotografia perfeita.

Body shaming significa vergonha do próprio corpo. Uma vergonha que resulta de comentários alheios, ofensivos, conscientes ou inconscientes, diretos ou indiretos, e que provocam danos emocionais e físicos a quem os escuta.

Que resposta dar a comentários nocivos nas redes?
Veja Também

Que resposta dar a comentários nocivos nas redes?

A grande maioria das mulheres portuguesas já foi vítima deste tipo de agressão. As consequências daquilo que se ouve ou se lê podem ser devastadoras: distúrbios alimentares, autoestima baixa ou inexistente, dificuldades nos relacionamentos ou mesmo mudanças nos percursos de vida.

Altas, baixas, gordas, magras, vistosas, sem graça. Como se uma mulher fosse apenas física. Como se dá a volta? Como se larga a culpa pela “imperfeição”? Com tratamentos invasivos, dietas sobre dietas, com editores de fotografias. Algumas afirmam que só com amor próprio.

A maledicência parte de todos os lados, a começar na própria pessoa que tende a comparar-se a todo o momento. Aos gabinetes do psicólogos chegam cada vez mais vítimas de body shaming, na maioria mulheres e cada vez mais novas.

Joana: gorda e preguiçosa
Veja Também

Joana: gorda e preguiçosa

Temas

Ficha Técnica

  • Título: Linha Da Frente - Comentários, Não Obrigada, temporada 14 / episódio 23
  • Tipologia: Reportagem
  • Autoria: Mafalda Gameiro / Paulo Jorge / Carlos Valente / Margarida Rodrigues
  • Produção: RTP
  • Ano: 2022