Carla: depressão é fraqueza
Ensino:

Numa época em que mostrar-se sempre feliz e positivo parece ser condição para ser aceite, Carla vive do outro lado: o dos fracos. A ansiedade e a depressão impedem-na de ser tudo o que gostaria e de fazer o que quer. É algo permanente, mas que não trava a necessidade de ajudar os outros a compreenderem o que lhe vai na cabeça.

A depressão é uma perturbação mental persistente. Afeta de forma negativa a forma os sentimentos, os pensamentos e as ações. Depois da ansiedade, é o transtorno psicológico mais comum e a tendência é de crescimento. É uma doença marcada por momentos de crise incapacitantes pelo sofrimento profundo que, em última instância, pode conduzir ao suicídio.

O que é saúde mental?
Veja Também

O que é saúde mental?

Carla, de 34 anos, sofre desde menina, quando ainda não percebia porque era diferente das outras crianças.  O tratamento que faz passa por medicação e psicoterapia. Toda a sua vida é moldada por esta perturbação que lhe provoca “uma dor interior” permanente, que se exterioriza numa espécie de tristeza e perda de interesse pelas atividades habituais e lhe diminui as capacidades funcionais.

Apesar de ter encontrado a sua forma de lidar com a doença, Carla fecha-se ainda face ao preconceito que atinge pontos extremos: há quem pense que alguém com depressão é uma pessoa agressiva e perigosa. Há também quem desvalorize – por não se tratar um mal físico – e sugira “caminhadas em dias de sol e sorrisos” como solução para ultrapassar essa “fraqueza”.

#SÓQNÃO dá voz aos que sofrem de preconceito. Qualquer que seja: racial, religioso, sexual, físico, mas também profissional, alimentar, moral ou espiritual. Cada protagonista coloca-nos perante o que tem de ultrapassar no dia-a-dia e, assim, cada um vai representar um rótulo, por norma associado a uma ideia socialmente pré-concebida.

Temas

Ficha Técnica

  • Título: #SÓQNÃO - temporada 1, episódio 6
  • Tipologia: Programa
  • Autoria: Joana Martins
  • Produção: RTP
  • Ano: 2019