Alimentação animal
Larvas: uma dieta eco-sustentável
Ensino:

Talvez não tenham o aspeto mais apetitoso, mas são uma resposta de sucesso na alimentação dos animais. Uma solução tecnológica inovadora que passa pela criação de larvas. Uma ideia que encaixa no conceito da economia circular.

É na Polónia, que a HiProMine desenvolve, a partir da criação maciça de larvas de um inseto em particular – a mosca hermetia illucens -, um segredo tecnológico que lhe permite a fabricação de elevadas quantidades de proteínas. A finalidade é tornar a alimentação animal mais sustentável.

O uso de insetos permite desperdício zero já que todo o seu corpo é utilizado para as rações animais. As larvas de laboratório, por seu lado alimentam-se de resíduos biológicos dos seres humanos e os seus excrementos podem ser reciclados como fertilizante de terras. É desta forma se cria uma configuração de economia circular.

A HiproMine ganhou forma e fundos através do quadro comunitário europeu do “Novo Pacto Ecológico”, que tem por objetivo combater a crise financeira e as alterações climáticas através de projetos eco-sustentáveis. Por enquanto produz alimentação para animais, mas na mira podem estar já ementas humanas.

Economia circular ou como do velho se faz o novo
Veja Também

Economia circular ou como do velho se faz o novo

Temas

Ficha Técnica

  • Título: De Lisboa a Estocolmo - episódio 28
  • Tipologia: Reportagem
  • Autoria: Raquel Morão Lopes / João Oliveira
  • Produção: RTP
  • Ano: 2022