O Interior Despovoado
Éramos Tantos
Ensino:

É no Algarve, a poucos quilómetros do turismo costeiro, que fica o concelho mais despovoado e um dos mais envelhecidos do país. Em Alcoutim vivem, em média, quatro pessoas por quilómetro quadrado. Idosos, na maioria, num solo pouco produtivo e cada vez mais sujeito à seca.

Em 60 anos, o concelho do nordeste algarvio perdeu três quartos da sua gente e a tendência mantém-se. Se por um lado, o Algarve litoral cresceu demograficamente na última década, por outro, resistem em Alcoutim pouco mais de dois mil habitantes. Os que restam questionam a eficácia das políticas de combate ao despovoamento e à desertificação.

Algumas aldeias são já fantasmas e as crianças contam-se a dedo, apesar dos incentivos financeiros à natalidade. O índice de dependência sénior é o mais elevado de Portugal: para cada 100 pessoas no ativo, há outros tantos idosos. Dividem-se por centros de dia e lares que não chegam para as necessidades e muitos vivem sozinhos numa charneca amargurada à beira do Guadiana.

Portugal a envelhecer
Veja Também

Portugal a envelhecer

O presente de Alcoutim é feito de uma economia de pouca gente: a da energia fotovoltaica. Neste chão seco – antes, terra de cereais – está instalada a maior central de painéis solares do país. Dá emprego a 20 pessoas. É o concelho com mais baixa densidade empresarial do país e onde as alterações climáticas são já uma realidade, em especial devido à escassez de chuva.

Os obstáculos à sobrevivência neste território são muitos e os apoios fracos. Dizem os locais que a serra algarvia paga, por subtração, a fatura do desenvolvimento do litoral. Ainda assim, alguns voltam ao chão que os viu nascer e arriscam: no pastoreio de cabras, no cultivo do medronho ou a jogar a sorte no turismo ligado à natureza.

O despovoamento do interior
Veja Também

O despovoamento do interior

Quantos somos e quantos vamos ser?
Veja Também

Quantos somos e quantos vamos ser?

Temas

Ficha Técnica

  • Título: Éramos Tantos - Linha da Frente, temporada 24 / episódio 4
  • Tipologia: Reportagem
  • Autoria: Duarte Baltazar / João Junça / Paulo Nunes / António Vasconcelos
  • Produção: RTP
  • Ano: 2022