Conteúdo cedido por : Ordem dos Psicólogos
Psicologia na Escola
Gosto da escola?
Gosto da escola?
Ensino:

Cinco dias por semana… a escola é uma grande parte da nossa vida! É uma boa oportunidade para aprender coisas novas, nos divertirmos com os amigos… mas nem sempre as coisas correm bem. E o pensamento surge:

“A escola é uma chatice”; “Detesto a escola. Nem quero lá voltar!”

Já alguma vez pensaste isto? Muitos alunos já pensaram. Toda a gente tem dias menos bons (mesmo que não o demonstre). Normalmente este sentimento não dura muito. Mas o que acontece se sentirmos que não gostamos da escola durante muito tempo? Se nos sentirmos sempre aborrecidos na escola?

É importante ir à escola. Por isso, a escola é um facto da vida com o qual temos de lidar. Na verdade, ir à escola pode ajudar-nos a construir o futuro que quisermos para nós. Mesmo quando achamos que a escola é uma chatice ou demasiado difícil, podemos aprender a torná-la um pouco melhor para nós e até a divertirmo-nos enquanto lá estamos.

Por isso vamos falar sobre a escola e sobre o que fazer quando não nos sentimos bem nela.

Quando Não nos Sentimos Bem na Escola…

Não nos sentirmos bem na escola pode causar uma sensação de tristeza e ansiedade, só de pensarmos que no dia seguinte teremos de voltar à escola. Por vezes ficamos zangados com os nossos pais, por nos obrigarem a ir.

Quando andamos stressados e preocupados com os nossos sentimentos relativamente à escola, isso também pode afectar o nosso corpo: pode doer-nos a cabeça, a barriga, ou até termos vontade de vomitar.

Ter dificuldade em dormir também pode ser um sinal. E se não dormimos suficientemente bem, também nos vamos sentir mais cansados e resmungões durante o dia, o que pode fazer parecer o nosso dia na escola ainda pior!

Quando estamos stressados torna-se mais difícil tomarmos decisões. Por exemplo, de manhã, podemos demorar mais tempo a decidir o que comer ou o que vestir. Como não queremos ir à escola, também não preparamos atempadamente o que precisamos de levar e podemos atrasar-nos. Pode parecer ser uma boa opção não ir à escola – mas não é. Só torna mais difícil regressar à escola no dia seguinte.

Porque é que Não Gostamos da Escola?

Se não gostamos da escola então o primeiro passo é perceber porquê. Podemos não gostar da escola porque um bully  nos anda a incomodar ou porque temos colegas com quem não nos sentimos bem. Ou podemos não gostar do nosso Professor. Podemos sentir-nos diferentes ou achar que não temos amigos suficientes.

Às vezes é um problema com as aulas ou com o trabalho da escola. As disciplinas podem ser muito fáceis e ficarmos aborrecidos. Ou muito difíceis e sentirmo-nos menos inteligentes que os nossos colegas. Podemos não gostar ou ter dificuldade em ler e estão-nos sempre a pedir isso. Podemos começar a ficar para trás na matéria e depois ser difícil “apanhar o comboio”. Também podemos ter outros problemas ou preocupações na nossa vida que nos tornam difícil concentrarmo-nos nas coisas da escola.

Primeiro precisamos de parar para pensar sobre porque é que não gostamos da escola. Depois podemos começar a tentar resolver esse problema.

O que Fazer quando Não Gostamos da Escola?

É uma boa ideia falar com alguém acerca dos nossos problemas com a escola. Com a nossa Mãe, com o nosso Pai, um familiar, um Professor, o Psicólogo da escola… um deles será capaz de nos ajudar. É especialmente importante falar com um adulto se o nosso problema na escola se relacionar com o bullying.

Outra boa ideia é desenharmos ou escrevermos os nossos sentimentos face à escola num diário ou num caderno qualquer. É uma boa forma de, no dia-a-dia, expressarmos emoções que estão dentro de nós. É como fazermos um diário de bordo só para nós.

Quando achamos que estamos desorganizados, desconcentrados e que não conseguimos acompanhar as matérias ou que todas as matérias parecem muito fáceis ou muito difíceis, podemos pedir ajuda aos Professores ou ao Psicólogo da escola. Os Professores ou o Psicólogo esperam que lhes peçamos ajuda sobre as coisas da escola.

O melhor é não deixarmos os nossos problemas arrastarem-se durante muito tempo. É mais fácil resolvê-los logo no início e pedir ajuda.

Sentirmo-nos Melhor na Escola

Para compreendermos melhor os nossos sentimentos face à escola podemos experimentar a fazer uma lista com tudo o que não gostamos na escola e, depois, a fazer uma lista de tudo o que gostamos (o recreio e o almoço, por exemplo).

Olhando para a primeira lista (a das coisas que não gostamos na escola), o que podemos fazer para mudá-la? Por exemplo, fazer os TPC poderia fazer-nos sentir mais confiantes quando a Professora nos faz perguntas durante a aula? Podemos pedir ajuda a alguém com os TPC mais difíceis? Com quem podemos falar sobre um problema que nos preocupa? Podemos encontrar uma forma de mostrar os nossos talentos ou interesses? Se fizéssemos um amigo novo, sentir-nos-íamos menos sozinhos? Que actividades poderíamos experimentar para fazer novos amigos?

É claro que podemos não conseguir mudar tudo o que está na nossa lista das coisas que não gostamos na escola. Um bully não pode simplesmente desaparecer. Ler pode parecer sempre uma tarefa desafiante. Mas não há problema! Devemos focar-nos naquilo que conseguimos mudar e talvez possamos gostar um pouco mais da escola.

Coisas que podemos fazer para gostarmos mais da escola:

  • Fazer novos amigos. Ir para a escola pode ser muito divertido quando temos um grupo de amigos de quem gostamos e que gostam de nós. Não precisamos de ser populares ou procurar andar com os alunos mais populares. O que interessa é passarmos tempo com amigos que partilhem os nossos interesses.
  • Escolher uma actividade extracurricular. Música, xadrez, dança… Que opções a nossa escola oferece que nos podem interessar mais? E se nenhuma parece muito atractiva, porque não iniciarmos nós um Clube com alguns amigos?
  • Fazer desporto escolar. Algumas escolas têm equipas de desporto escolar. O futebol ou o basquete, por exemplo, podem tornar a escola mais divertida. É importante escolher um desporto de que gostemos e com o qual nos possamos divertir, ao mesmo tempo que nos exercitamos.
  • Ter boas expectativas. Podemos acordar todas as manhãs e escolher uma má atitude, mostrarmo-nos rezingões e mal-humorados. Ou podemos escolher uma atitude mais enérgica, comer um pequeno-almoço de campeões, ouvir uma música gira e antecipar um óptimo dia na escola.

A Ordem dos Psicólogos tem mais informação em escolasaudavelmente.pt

Ajudar o meu Filho nas Transições Escolares
Veja Também

Ajudar o meu Filho nas Transições Escolares

Temas

Ficha Técnica

  • Título: Gosto da escola?
  • Área Pedagógica: Psicologia
  • Tipologia: Rubrica
  • Autoria: Ordem dos Psicólogos
  • Ano: 2017
  • Imagem:: Fotografia de THIS IS ZUN, pexels