2077 - 10 Segundos Para o Futuro
Como matar um planeta
Ensino:

De que forma os nossos atos de hoje vão ter consequências no futuro? As nossas escolhas mudam o mundo e o que temos hoje em nada se compara com o que os nossos avós conheceram. E em que Terra vão viver os nossos netos?

Fabricar um telemóvel leva à emissão de tantos gases como a produção de um quilo de carne. Indústria e agropecuária estão em velocidade de cruzeiro a contaminar o ar que respiramos.

Uma atmosfera que nos rouba vida a todo o momento. Nove em cada 10 pessoas vivem em zonas do globo onde a qualidade do ar há muito que excede os limites de segurança. Envenenamos o ambiente e o corpo.

A Energia que nos Consome
Veja Também

A Energia que nos Consome

O mar é cada vez menos o paraíso por descobrir. Apesar do enorme mistério que ainda guarda em relação ao resto da vida na terra, a verdade é que o plástico, por exemplo, já faz parte da sua composição bioquímica. Estima-se que, em meados do século XXI, tenha mais plástico do que peixe.

Microplásticos nos pinguins da Antártida?
Veja Também

Microplásticos nos pinguins da Antártida?

A relação do ser humano com a natureza tem tanto de deslumbre como de morte. As espécies desaparecem a um ritmo alarmante. Talvez, num tempo não muito longínquo, os elefantes passem a figurar na história como os dinossauros: aniquilados.

O Regresso dos Castores
Veja Também

O Regresso dos Castores

Temas

Ficha Técnica

  • Título: 2077 - 10 Segundos Para o Futuro, Estranhamento Global - episódio 2
  • Tipologia: Extrato de Documentário
  • Produção: PANAVÍDEO P/RTP
  • Ano: 2017